_______________________________

terça-feira, 18 de Outubro de 2011

Ana ‘Botafogo’, bailarina

Ana ‘Botafogo’, primeira-bailarina do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, desde 1981, possui uma carreira com muitos momentos importantes.

Ana ‘Botafogo’ frequentou a Academia Goubé na Sala Pleyel, em Paris, a Academia Internacional de Dança Rosella Hightower, em Cannes, e o Dance Center-Covent Garden, em Londres.

As suas participações internacionais incluem festivais em Lausanne, Veneza, Havana e na Gala Iberoamericana de La Danza, representando o Brasil a propósito da comemoração aos 500 Anos do Descobrimento das Américas.

De regresso ao Brasil foi nomeada Bailarina Principal do Teatro Guaíra (Curitiba), da Associação de Ballet do Rio de Janeiro e, em 1981, juntou-se ao balé do Teatro Municipal do Rio de Janeiro.

Ao longo de sua carreira, Ana ‘Botafogo’ interpretou os papéis principais de todos as mais importantes obras do repertório da dança clássica, entre os quais se encontram Coppélia, O Quebra Nozes, Giselle, Romeu e Julieta, Don Quixote, La Fille Mal Gardée, O Lago dos Cisnes, Floresta Amazônica, A Bela Adormecida, Zorba o Grego, A Megera Domada e Eugene Onegin.

Ana dançou como artista convidada em importantes Companhias de Ballet e teve parceiros como Fernando Bujones, Julio Bocca, David Wall, Desmond Kelly, Cyril Athanassof, Alexander Godunov, Richard Cragun, Jean-Yves Lormeau, Lazaro Carreño, Tetsuya Kumakawa, Yuri Klevtsov, José Manuel Carreño e Slawomir Wozniak.

Entre muitos títulos que recebeu do governo do Rio de Janeiro estão o de Embaixatriz da Cidade do Rio de Janeiro e o de Benemérito do Estado do Rio de Janeiro. O Ministro da Cultura da República Francesa nomeou-a, em 1997, “Chevalier Dans L'Ordre des Arts et des Lettres” e, em 1999, o Ministério da Cultura do Brasil outorgou-lhe o Troféu Mambembe, referente ao ano de 1998, pelo reconhecimento ao conjunto do trabalho e divulgação da dança em todo o território nacional.

Em Dezembro de 2002 recebeu do Ministério da Cultura a Ordem do Mérito Cultural, na classe de Comendadora, por ter se distinguido por suas relevantes contribuições prestadas à cultura no país e, em Agosto de 2004 recebeu a Medalha de Mérito Pedro Ernesto da Câmara Municipal do Rio de Janeiro. Ana ‘Botafogo’ é considerada, tanto pelo público como pela crítica, uma das mais importantes bailarinas brasileiras devido à sua técnica, versatilidade e arte.

Pesquisa de Rui Moura (blogue Mundo Botafogo)
Fonte: http://www.anabotafogo.com.br/quem.php

5 comentários:

hangman disse...

Três fatos intrigantes:
1) Nelson Cavaquilnho tocava violão
2) Paulinho da Viola toca cavaquinho
3) Ana Botafogo é tricolor

flavio silveira disse...

Dizem q , apesar do nome . ela é torcedora do florminense..pensando bem, até q tem tudo a ver....rsss

Rui Moura disse...

Interessante esses 'intrigantes' acontecimentos, Hangman! (rs)

Abraços Gloriosos!

Rui Moura disse...

Ela é torcedora do Fluminense sim, Flavio. Mas eu acho que parte do seu sucesso se deve a chamar-se... Botafogo! (rs)

Abraços Gloriosos!

Rui Moura disse...
Este comentário foi removido pelo autor.